inês botelho 

início | biografia | bibliografia | imprensa | agenda | caderno | correio

_________________________________________________________________________________________________________________

o ceptro de aerzis | livro 1 | livro 2 | livro 3 | glossário

 

A Filha dos Mundos

Editora: 11x17

A Senhora da Noite e das Brumas

Editora: 11x17

A Rainha das Terras da Luz

Editora: 11x17

 

Desde muito cedo que as mitologias me fascinam. Mitologias, mitos, símbolos e simbologias. Durante anos absorvi informação sobre eles pelo simples prazer do conhecimento. Procurei-os e entranhei-os. É por isso natural que tenham um papel preponderante na estrutura de O Ceptro de Aerzis e o polvilhem constantemente, ainda que muitas vezes de forma dissimulada. Igualmente importante é a Natureza, personagem incontestável e amiúde representada pelos quatro Elementos primordiais, figuras não corpóreas e silenciosamente omnipresentes com quem as três protagonistas comunicam e se aconselham. Este contacto e cumplicidade com a Natureza revelar-se-á indispensável ao desenrolar da trilogia e à sua conclusão.

Ao criar O Ceptro de Aerzis não pretendia centrar-me em aventuras e batalhas, apenas nas necessárias ao desenvolvimento da narrativa. Talvez por isso esta seja uma história tão apoiada em sensações e viagens de diferentes tipos e formatos. Que possa ser uma viagem também para os leitores, como o foi para mim.